Página principal  >  Conselhos  > Conselhos práticos  > Fazer um currículo quando se tem pouca experiência? Nossas 7 dicas

Fazer um currículo quando se tem pouca experiência? Nossas 7 dicas

134 pessoas interessadas neste artigo
Fazer um CV com pouca experiência profissional

@Tatyana T Tomsickova

No começo de uma carreira, estudante ou recém graduado, fazer um CV lhe parece impossível? Síndrome da página em branco? Aqui vão 7 conselhos para fazer um currículo que destaque suas experiências.


1/ Dica n°1: não faça como esse aí!


2/ Que título escolher?


O título de seu currículo deve deixar a entender rapidamente quem você é e o que você propõe a empresa. Evite então títulos vazios que poderiam complicar a cabeça do recrutador. Se você está a procura de várias vagas, pense em atualizá-lo de acordo com a candidatura. Você tem que adaptar o seu CV ás suas candidaturas! Se você está procurando um estágio, você pode colocá-lo nas palavras-chave.


3/ Como destacar uma experiência curta?


O recrutador lê o seu currículo muito rápido (uns 40 segundos...). Então, para explicitar uma experiência, faça sempre do mesmo jeito, com a mesma estrutura, isso facilita a leitura. Um estágio é uma experiência importante também!


O que pode lhe diferenciar dos outros, é a maneira que você vai descrever essas experiências. Se o seu último estágio não foi muito produtivo, sempre tem um meio de valorizá-lo. Para isso:



- Indique o tempo de estágio
- Dê o nome da empresa
- Descreva em 2 ou 3 pontos os objetivos procurados, a missão e os resultados. Não é sempre fácil falar em resultados... Mas você pode dizer que o seu projeto está sendo encaminhado, as suas recomendações...


4/ Colocar sempre mais experiências: os empregos veraneios, projetos de escola?


Para aumentar a sua experiência, você pode indicar em seu currículo projetos realizados em grupinhos durante seus estudos. Cuidado, só mencione os que tem um valor real para sua experiência e candidatura.


Você pode nomeá-los com suas experiências em uma sub categoria “projetos profissionalisante”. Capacidade de trabalhar em equipe, respeito dos objetivos, as vezes, os empregos veraneios podem ajudar na sua candidatura.


5/ Devemos informar todas as formações/estudos?


Não precisa talvez querer enriquecer o seu currículo com certificados de seus primeiros diplomas (tipo de escolinha...). É melhor falar mais das especializações escolhidas na faculdade, os cursos extras, etc. Você pode nomear projetos realizados mas eles tem que ser apresentados de forma clara e compreensível.


6/ Um item “competências e habilidades”? Mesmo se eu sou jovem?


Sim, esse item tem um interesse para os recrutadores. Aqui ele vai encontrar suas habilidades técnicas como “programas técnicos ou gerais de computação, idiomas...” ou até competências mais práticas como “gerenciamento de projetos”.


Para um início de carreira, não coloque mais do que 4 ou 5 habilidades. Evite também competências vazias como “marketing” ou “comercial” ou “técnica”. Nesses casos, um pouco de exatidão pode ser necessário.


Para avaliar seu nível em idiomas, saiba que existem testes como TOEIC, TOEFL e outros. Você pode testar o seu nível de inglês.


7/ Falar de interesses, hobbies, lazer?


Não precisa. Essas informações pessoais não são levadas em consideração no Brasil.


Para concluir essa matéria, não esqueça que o seu currículo é a sua propaganda. Ele é feito para lhe ajudar com seu projeto profissional e só deve mostrar informações em relação a isso. Tome cuidado para não repetir informações.


Para fazer o seu CV conosco e divulgá-lo para milhares de recrutadores, é por aqui!

29/09/2015
Sua opinião nos interessa, compartilhe-a! 0 comentários
Deixar a minha opinião
Essas dicas podem lhe interessar
Assunto A empresa pediu uma foto: como escolher?
Assunto “Entraremos em contato”: como consertar as coisas depois de uma entrevista
Assunto Dica rápida: encontrar o e-mail profissional de um recrutador
Assunto O seu currículo espelha mesmo suas competências e habilidades?
Notícia Uma carta de apresentação feita de tweets
Notícia Jovem de Minas Gerais torna o seu currículo viral
Ver todas dicas de CV, carta de apresentação e entrevista de emprego